Profissionais da saúde reúnem e atualizam informações sobre o coronavírus

#DescriçãoPraCegoVer - Equipes de saúde em reunião sobre as ações preventivas ao coronavírus.

Profissionais da saúde reúnem e atualizam informações sobre o coronavírus

No dia 05 de março, profissionais de saúde dos diversos eixos (assistência, vigilância em saúde, CCIH, administração, técnicos de Laboratório) se reuniram no Hospital Municipal de Paracatu para falar sobre o coronavirus. De acordo com a enfermeira Arianne Mendes é importante ressaltar que não há necessidade de alarde para o coronavírus. As ações realizadas serão baseadas nas informações transmitidas à população.

 

No Brasil, 4 (quatro) casos foram confirmados e 5 (cinco) estão em análise, aguardando confirmação ou não. Todos os casos são Importados (transmitidos em países que estão sob vigilância da Organização Mundial de Saúde - OMS).

 

Durante a reunião foram discutidos assuntos relacionados às prevenções simples e rotineiras que evitam a transmissão não só do coronavírus, como também, de outras doenças (diarréias, gripes, entre outras). Cabe, portanto, cuidados fundamentais, tais como: lavagem das mãos com água e sabão, proteção da boca e nariz com papel ou utilizando o braço ao espirrar ou tossir, uso do álcool em gel em superfícies e objetos e evitar tocar nos olhos, nariz e boca sem que as mãos estejam limpas. 

 

 O que é caso suspeito ou provável de coronavírus

 

Situação 1: indivíduos com febre e sintoma respiratório (tosse, mialgia, coriza..) mais retorno de viagem de áreas afetadas(que estão sob vigilância pela OMS) nos últimos 14 dias;

 

Situação 2: indivíduos com febre ou sintoma respiratório (tosse, mialgia, coriza...) mais teve contato próximo (cerca de 2 metros de um paciente suspeito ou confirmado por 15 minutos ou mais; conviver no mesmo ambiente com caso suspeito em ambiente de trabalho ou outros ambientes; teve contato com caso confirmado);

 

Situação 3 - caso provável: indivíduo que teve contato com caso confirmado Convid-19 e pelo menos 1 dos sinais e sintomas (tosse, dificuldade para respirar, produção de secreção, congestão nasal ou conjuntival, dor de garganta, coriza, febre, cefaléia, mialgia).

 

Nestes três casos, a orientação é para que seja realizada a coleta de amostra respiratória para pesquisa do coronavírus , assim como outros vírus respiratórios, e enviada a laboratório de referência do Estado, nesse caso, à FUNED em Belo Horizonte.  

 

O paciente suspeito será isolado em quarto privativo e os casos graves encaminhados para unidades de referência de acordo com a Gerência Regional de Saúde (GRS).

 

Tratamento

 

Controle dos sintomas. Ainda não tem medicação e vacina para o coronavírus. 

 

As equipes permanecem atentas no município, mantendo a troca de informações e auxiliando a comunidade no que for necessário. Mais informações podem ser obtidas na Secretaria Municipal de Saúde localizada à Rua Dr. Joaquim Brochado, 227 - Amoreiras. Telefone: (38) 3671 3555.  

 Atualização

 

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o número de casos de coronavírus no Brasil, até a data de 08 de março de 2020 (17h30), chega a 25 (vinte e cinco). 

ASCOM/SEGOV

Prefeitura de Paracatu

Mais Trabalho. Novas Realizações!

 

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário