INVESTIMENTO: Prefeitura de Paracatu firma parceria com Irriganor e Sebrae

O Zoneamento Ambiental Produtivo é realidade na bacia Entre Ribeiros

INVESTIMENTO: Prefeitura de Paracatu firma parceria com Irriganor e Sebrae

#Pracegover: Prefeito Olavo Condé está sentado de um lado da mesa. Do outro lado, estão três pessoas, que participam da autorização do termo de colaboração entre o município e Irriganor, entre elas o secretário municipal de agricultura, Everton Luis e a p

O Zoneamento Ambiental Produtivo é realidade na bacia Entre Ribeiros

 

Nessa segunda-feira (29), o prefeito de Paracatu, Olavo Condé, autorizou o repasse de recursos, por meio do termo de colaboração junto à Associação dos Produtores Rurais e Irrigantes do Noroeste de Minas Gerais – Irriganor.  

A parceria tem o objetivo de efetivar o Zoneamento Ambiental Produtivo (ZAP), na bacia hidrográfica do Entre Ribeiros, que vai mostrar as áreas de produção e aquelas que deverão ser preservadas e/ou recuperadas, a necessidade de reservação e/ou outras formas de equalizar o conflito de uso das águas. O projeto terá investimento aproximado de R$ 300 mil, sendo 70% do Sebrae e 30% da prefeitura municipal de Paracatu, através do termo de colaboração com a Irriganor.

Segundo o prefeito, o município disponibilizará à entidade recursos por meio da Compensação Financeira pela Exploração dos Recursos Minerais (CFEM), em iniciativa que visa a diversificação econômica local. “O governo municipal tem valorizado parcerias com empresas sérias, como a Irriganor e Sebrae, que têm colaborado para o fortalecimento da agricultura de Paracatu”, afirma.

O secretário municipal de agricultura, Everton Luis da Silva, explica que o Zap é uma ferramenta muito importante para nortear o investimento ideal na região, para ter recurso hídrico e com abundância. “Nosso objetivo é proporcionar a ampliação da produção. As vezes, o município fica sobrecarregado e não consegue realizar tudo. É nesta hora que a gente conta com instituições idôneas e comprometidas, que tenham condições de fazer essa parceria com o município e levar esses projetos a frente”, declara. 

Rowena Petroll, presidente da Associação dos Produtores Rurais e Irrigantes do Noroeste de Minas Gerais (Irriganor), esclarece que o ZAP levanta todas as informações de uma bacia hidrográfica, conforme a metodologia desenvolvida pelo estado de MG. “Esta ferramenta propõe um melhor uso de água, de forma que mais pessoas possam ter acesso e, inclusive, locando possíveis barramentos, evidenciando locais, onde precisa ser feita a revitalização ambiental”.

Ainda de acordo com ela, esta é uma parceria que já vem sendo feita e fortalece o elo entre sociedade civil e governo municipal, de que é preciso trabalhar juntos. “A secretaria de agricultura do governo Olavo Condé já foi parceira no estudo da Bacia Hidrográfica Santa Isabel, que entrou em colapso, num período longo de estiagem. E sabemos que mais produção, gera mais empregos, mais tributos para o estado e para o município, por isso a importância desta valorização”, diz.

Rowena recorda de quando a bacia Entre Ribeiros secou, em 2002. “De lá pra cá, os produtores já fazem gestão compartilhada de águas. Mas, nós precisamos elencar a partir destes estudos, os pontos onde precisa ser feita a recuperação ambiental, para melhorar a absorção de água em toda a bacia, e assim consolidamos Paracatu como uma das maiores regiões produtoras do pais, de agricultura irrigada por aspersão”, conclui.

 

ASCOM/SEGOV 

Prefeitura de Paracatu 
Mais Trabalho. Novas Realizações.

 

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário