11 perguntas e respostas para você entender como funcionam as vacinas contra a Covid-19

Se você ainda tem dúvidas sobre as vacinas, a eficácia de cada marca, faixa etária do Grupo Prioritário e restrições de vacinação, não deixe de ler.

11 perguntas e respostas para você entender como funcionam as vacinas contra a Covid-19

#ParaTodosVerem - Fundo Verde com os dizeres: 11 perguntas e respostas - Como funcionam as vacinas?



Qual é a faixa etária das pessoas que estão sendo vacinadas?

Seguindo o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação a Contra a Covid-19, a população mais idosa está sendo vacinada no Grupo Prioritário. A campanha foi iniciada com a população acima de 90 anos, na medida em que esse grupo populacional é vacinado, pessoas com menos idade recebem o imunizante, na seguinte ordem:

- 85 a 90 anos

- 80 a 84 anos

- 75 a 79 anos

- 70 a 75 anos

- 65 a 69 anos

- 60 a 64 anos

 

Nos dias 15, 16 e 19 de abril, aplicamos a vacina na população Quilombola. No caso deste público, foram vacinados aqueles que tiverem mais de 18 anos.

 

Dentro do Grupo Prioritário, também estão sendo vacinados os profissionais de saúde, profissionais de salvamento e segurança pública.

 

Quais documentos devem ser apresentados no dia da vacinação?

CPF, RG e, se tiver, carteirinha de vacinação.

 

Quais são os tipos de vacinas?

Sinovac, produzida pelo Butantan.

AstraZeneca, produzida pela Fiocruz.

 

Existe alguma restrição para tomar a vacina?

Os pacientes com síndromes gripais (febre, dor no corpo, dor de cabeça) não devem receber o imunizante. Pacientes que tiveram teste positivo para Covid-19 precisam contar 30 dias a partir da data do exame e não podem ter nenhum sintoma gripal no momento da vacinação.

 

Se eu não puder tomar a vacina no dia por causa da restrição, quando poderei tomar?

É preciso aguardar os sintomas passarem. Após esse período, você deve procurar a secretaria de Saúde e se informar sobre a nova data da vacinação.

 

Quais reações a vacina pode causar?

Em geral, a aplicação da vacina causa uma dor leve no local de aplicação. Também pode acontecer do vacinado sentir dores de cabeça e no corpo, náusea, calafrios e febre.

 

O que devo fazer se eu tiver reações?

Até o momento, não há registro de reação adversa grave depois da vacinação. Em caso de algum sintoma gripal procure uma unidade do PSF.

 

Qual é a eficiência das vacinas?

Atualmente, estamos trabalhando com duas vacinas. A vacina do Butantan (Sinovac) é aplicada em duas doses, com um intervalo de 14 a 28 dias entre elas. De cada 100 pessoas que tomam, 50 não pegam o vírus. Entre as outras 50 que poderão pegar o vírus, 39 não terão nenhum sintoma. As 11 pessoas que poderão ter sintomas, terão sintomas leves.

 

A vacina da AstraZeneca tem um intervalo de 12 semanas entre as doses. E a sua eficácia é de 76% após 14 dias da primeira dose. Ou seja, a cada 100 pessoas que a tomarem, 76 estarão imunizadas depois dessas duas semanas já na primeira aplicação. Com a administração da segunda dose, a eficácia sobe para 82,4%. Em outras palavras, de cada 100 pessoas vacinadas com as duas doses, 82 estarão imunizadas. Para os casos graves da doença, a eficácia é de 100%. Ou seja, após receber as duas doses de vacina, depois de 14 dias, nenhuma pessoa terá a forma grave da doença.

 

Vale lembrar que ambas as vacinas têm seu efeito completo após 14 dias da aplicação da segunda dose.

 

Qual o prazo para a 2º dose?

No caso da vacina do Butantan (Sinovac), o intervalo entre as doses é de 14 a 28 dias. No caso da AstraZeneca, 12 semanas ou três meses.

 

Qual é o fluxo das vacinas?

O Ministério da Saúde envia as doses de vacina ao estado de Minas Gerais. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) encaminha as doses para as Gerências Regionais de Saúde (GRS), que então envia as doses para os municípios. A GRS responsável por Paracatu é a de Unaí. Ao chegar nos municípios, as doses do imunizante já estão com a destinação definida seguindo o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação a Contra a Covid-19.

 

Tomei a vacina contra a gripe, quando posso tomar a vacina contra a Covid-19?

O intervalo entre diferentes tipos de vacina deve ser de 14 dias. O ministério da Saúde orienta que a vacina contra a Covid-19 seja priorizada. Então, se estiver na sua vez de tomar a vacina contra a Covid-19 é ela que você deve tomar. Depois de 14 dias, você já pode receber a vacina contra a gripe.

 

Assessoria de Comunicação

Um Novo Tempo Para Todos

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário