Secretaria Municipal de Saúde reforça chamado para vacinação contra a gripe

Casos de Influenza B têm aumentado em Minas Gerais, informa Boletim do estado

Secretaria Municipal de Saúde reforça chamado para vacinação contra a gripe

#ParaTodosVerem - Vacinação contra a gripe

A Secretaria Municipal de Saúde está reforçando o chamado à vacinação contra a gripe. A convocação ganha força em razão do aumento da circulação do vírus Influenza B em Minas Gerais, segundo o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

 

De acordo com o boletim, tem se registrado mais casos de Síndromes Gripais causadas pelo vírus Influenza B nas Unidades Sentinelas. As Unidades Sentinelas são cidades monitoradas pela SES para detectar a presença de doenças virais.

 

A vacinação contra a gripe acontece em todos os PSFs da cidade de 8h às 11h e 13h às 16h, de segunda à sexta-feira. Prevista para durar até 9 de julho, esta etapa tem como público-alvo:

 

- Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;

 

- Pessoas com deficiência permanente;

 

- Trabalhadores das forças de segurança e salvamento, das forças armadas;

 

- Caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;

 

- Trabalhadores portuários;

 

- Funcionários do sistema prisional;

 

- Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade.

 

As pessoas dos públicos-alvo das etapas anteriores também podem vacinar:

 

- Crianças de 6 meses a 6 anos;

 

- Gestantes;

 

- Puérperas;

 

- Pessoas acima de 60 anos;

 

- Professores das redes públicas e privadas;

 

Caso a data da vacinação contra a gripe coincida com a imunização contra a Covid-19, deve-se priorizar a vacinação contra a Covid-19. Após 15 dias, pode-se tomar a vacina contra a gripe.

 

Vacinação da gripe em números

De acordo com a Secretaria de Saúde, até 16 de junho, tinham sido vacinados contra a gripe 13.634 pessoas em Paracatu. O percentual de imunização de cada grupo era o seguinte até esta data: crianças (69,6%); gestantes (54,8%); puérperas (43,1%); trabalhadores da saúde (66,6%); idosos (50,2%) e professores (48,4%).

 

A meta do Ministério da Saúde é vacinar 90% de todos os públicos até o final da campanha, prevista para 9 de julho.

 

Para receber o imunizante, é preciso levar um documento com foto e, se tiver, a carteirinha de vacinação. É importante levar algum documento que comprove a atividade laboral ou a condição de saúde do paciente, receitas médicas também servem.

 

A Secretaria Municipal de Saúde reforça a importância da vacinação contra a gripe. Além de prevenir as complicações decorrentes da doença, a imunização contra a gripe visa desafogar os serviços de saúde, em especial num momento de aumento no número de casos de Covid-19.

 

Assessoria de Comunicação

Um Novo Tempo Para Todos

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário