Igualdade racial é tema de Conferência Regional em Paracatu

#Descriçãopracegover - Foto do debate sobre igualdade racial que aconteceu na AMNOR. Na foto, o auditório está lotado e ao fundo temos a composição de mesa com várias autoridades do município, secretários, vice-prefeito, prefeitos de cidades do Noroeste;

Igualdade racial é tema de Conferência Regional em Paracatu

Buscando fortalecer e discutir a criação de mecanismos de promoção da igualdade racial, alinhado ao combate ao racismo, a Prefeitura Municipal de Paracatu, por meio das secretarias de Cultura e Turismo e de Desenvolvimento e Ação Social, em parceria com a Associação dos Municípios do Noroeste de Minas (AMNOR), promoveram nesta quinta-feira, 27 de julho, a “I Conferência Regional de Promoção da Igualdade Racial”.

O evento foi realizado no auditório da AMNOR e contou com a participação do vice-prefeito, Adelson Cunha, da secretária de Desenvolvimento e Ação Social, Ana Amélia de Melo Medeiros, do Secretário de Cultura e Turismo, Isac Arruda, da Vereadora Marli Ribeiro, da Superintendente de Políticas Afirmativas e Articulação Institucional da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania (SEDPAC), Yone Maria Gonzaga, do Prefeito de Guarda Mor e Presidente da AMNOR, Edgar José de Lima, do Prefeito de Urucuia, Rutílio Eugênio Cavalcanti Filho, do Diretor Regional da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social no Noroeste de Minas, João Batista, do Presidente dos Fóruns Regionais, Adenilson Rodrigues Rubim. Também estavam presentes secretários municipais, vereadores, representantes de várias entidades dos municípios do Noroeste Mineiro, educadores e membros da sociedade civil. 

Abrindo as atividades, o grupo Afro N’ Igonda da Fundação Municipal Casa de Cultura, fez uma apresentação de Maculelê para os participantes, que na seqüência seguiram para o auditório iniciando os debates. A superintendente da SEDPAC, Yone Maria Gonzaga, agradeceu o apoio de todos os envolvidos na realização da conferência. “Paracatu atendeu prontamente o pedido da secretaria, aceitando o convite de sediar este importante evento. Precisamos construir e promover a igualdade racial em todo o Noroeste Mineiro e Paracatu está no caminho certo”. Na ocasião, a superintendente exibiu uma mensagem em vídeo do Secretário de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania, Nilmário Miranda, enviado exclusivamente para o evento, ressaltando que um dos maiores desafios da democracia brasileira é a igualdade racial.

Para o secretário de Cultura e Turismo, Isac Arruda, todas as formas de preconceito tem que ser debatidas. “O objetivo principal desta união, deste encontro, é avançar e promover políticas públicas e propostas efetivas para acabar com toda e qualquer forma de preconceito. Existem direitos e eles precisam ser respeitados por todos, essa é a nossa luta”.

Já a secretária de Desenvolvimento e Ação Social, Ana Amélia de Melo Medeiros, agradeceu a presença de todos os representantes dos municípios do noroeste de Minas e ressaltou a busca pelos direitos de todas as classes. “Estamos realmente satisfeitos pela grande representatividade em um debate tão importante. Que bom que todos reconhecem que precisamos avançar e lutar pela igualdade racial. Precisamos estar cada vez mais alinhados para que todas as minorias sejam atendidas” salientou.

O vice-prefeito, Adelson Cunha, reafirmou o compromisso da Prefeitura Municipal de Paracatu na promoção da igualdade racial e dos direitos humanos. “Estamos investindo e ampliando as políticas públicas em nosso município. Sabemos que não é uma tarefa fácil, mas são nesses momentos de intenso debate que podemos fortalecer e discutir ações efetivas que gerem resultados”.

Durante a conferência, a pedagoga paracatuense, Lara Franco, mestranda em educação na linha de políticas públicas educacionais para educação quilombola da UFU – Universidade Federal de Uberlândia apresentou a sua tese de mestrado/doutorado que busca entender como é ser negro em Paracatu, contextualizando os presentes sobre atual situação do negro no município. Na avaliação da pedagoga, a conferência foi um sucesso. “O debate é sempre importante, pois reforça que temos que tomar uma atitude e buscar promover várias ações em prol da igualdade de raça.

No período da tarde, foram avaliados também, os avanços, os desafios e as perspectivas das Políticas de Promoção da Igualdade Racial, através da formação de grupos de trabalho com temas específicos para a elaboração de propostas para a promoção da igualdade racial. Todas as propostas farão parte de um documento que será enviado para a da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania (SEDPAC).

Também foi realizada a eleição dos delegados titulares e suplentes. Paracatu elegeu 27 delegados, sendo 4 do poder público e os demais da sociedade civil. Os delegados titulares eleitos foram: a secretária de desenvolvimento e ação social, Ana Amélia de Melo Medeiros, o secretário de cultura e turismo, Isac Arruda, a vereadora Marli Ribeiro e o diretor de projetos da secretaria de educação, Hamilton Batista. Todos representarão Paracatu na 4ª Conferência Estadual de Políticas de Promoção da Igualdade Racial a ser realizada em agosto, em Belo Horizonte.

ASCOM/SEGOV

Prefeitura Municipal de Paracatu

Mais Trabalho. Novas Realizações

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário