Prefeitos se reúnem na Assembleia de MG em caráter de urgência.

A Associação Mineira de Municípios convocou os prefeitos para uma assembleia, em caráter de urgência, para a discussão e decisão do posicionamento da AMM sobre a votação em 2o Turno do Fundo Extraordinário do Estado.

Prefeitos se reúnem na Assembleia de MG em caráter de urgência.

A Associação Mineira de Municípios convocou os prefeitos para uma assembleia, em caráter de urgência, para a discussão e decisão do posicionamento da AMM sobre a votação em 2o Turno do Fundo Extraordinário do Estado na Assembleia Legislativa de Minas Gerais.  

 

A reunião aconteceu na tarde desta terça-feira, no auditório do CREA-MG , em Belo Horizonte. 

 

Prefeitos do Noroeste de Minas, que integram a AMNOR, participaram desta assembleia, a fim de contribuir com os demais prefeitos, na difícil tarefa de encontrar uma solução para o quadro que se apresenta no Estado de Minas.

 

A AMM contabiliza uma dívida de aproximadamente R$ 10,4 bilhões do estado com as prefeituras, referente a repasses de ICMS, IPVA e recursos para saúde e educação.

 

O prefeito Olavo Condé afirmou que, até o momento, o déficit do Estado para com o município de Paracatu ultrapassa os 32 milhões de reais.

 

Os prefeitos decidiram, por unanimidade, que a proposta do governo estadual não poderia ser aceita.

 

Desta forma, seguiram em passeata até a ALMG em manifesto ao acordo proposto.

 

ASCOM/SEGOV
Prefeitura de Paracatu
Mais Trabalho. Novas Realizações

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário