Conferência debate metas, resultados e desafios da Assistência Social em Paracatu

#DescriçãoPraCegoVer - Autoridades e representantes de conselhos participam da cerimônia de abertura da Conferência Municipal de Assistência Social

Conferência debate metas, resultados e desafios da Assistência Social em Paracatu

A Prefeitura Municipal de Paracatu, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), promoveu, na  terça-feira (10/09), a 12º Conferência Municipal de Assistência Social.

O evento aconteceu na sede social do Jóquei Clube. A cerimônia de abertura contou com a presença do Prefeito Municipal, Olavo Condé; da Secretária Municipal de Ação Social, Ana Amélia Medeiros; do vereador Jesué Araújo; da diretora Regional da Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (SEDESE), Mirian Azevedo; da representante do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (CONGEMAS) em Minas Gerais e gestora de Assistência Social do município de Matozinhos (MG), Andrea Inês; da presidente do Conselho Municipal de Assistência Social e conselheira estadual, Soyla Rachel dos Santos Pereira; além das representantes dos usuários do Conselho Nacional de Estadual de Assistência  Social, Cecília de Araújo Carvalho, e dos trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), Débora Avelino de Sousa, dentre outras autoridades e representantes.

Nas boas-vindas aos participantes, o Prefeito Municipal, Olavo Condé, destacou a importância da conferência, para debater a atuação da pasta de Assistência Social. Ele disse que por meio de eventos como esse, é possível avaliar e ajustar metas eefetividade da Política de Assistência Social em desenvolvimento no município.  “Queremos parabenizar todas as instituições aqui representadas e os trabalhadores ligados à área de assistência social, pela dedicação a um trabalho que tem alcançado e beneficiado muitas pessoas em Paracatu”, destacou Condé.

Com o tema "Assistência Social: Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Social”, a 12ª Conferência é um fórum ampliado de participação social, convocado pelo Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), junto ao Prefeito Municipal.

A secretária Ana Amélia Medeiros ressaltou que a conferência representa um espaço democrático para discutir, também, o desafio da redução de recursos oriundos dos governos Federal e Estadual, para se aplicar em assistência social. “Uma realidade que preocupa vários municípios, não só Paracatu”, lembrou.  Ela exemplificou ações que têm sido feitas pela Secretaria para, apesar da crise de recursos, conseguir, a partir de esforços municipais, atender  com êxito o máximo de pessoas, projetos e áreas ligadas à Assistência Social. 

As demais autoridades, gestores e representantes que participaram da abertura do evento elogiariam a iniciativa de discutir e buscar alternativas para implementar os projetos e ações voltados à assistência das pessoas que mais necessitam de ajuda no município.

Grupos de Trabalho

A conferência organizada pela Sedas contou com grupos de trabalho, que discutiram e avaliaram projetos e ações. Num deles, os participantes fizeram um balanço do momento atual do Sistema Único de Assistência Social, em nível municipal, e suas perspectivas para o futuro.

Controle social,  prioridades do setor e os impactos das dificuldades financeiras enfrentadas por União, Estado e Município também ganharam uma rodada de discussões própria. Pontuaram as conversas, as reformas Previdenciária e Trabalhista  e suas implicações nas políticas de assistência social.

ASCOM/SEGOV

Prefeitura de Paracatu

Mais Trabalho. Novas Realizações.

VER TODAS NOTÍCIAS

Deixe um Comentário